logística 4.0 – Senior Noroeste Paulista

 

BLOG / NOTÍCIAS > Tag: logística 4.0

 

Descubra quais são as diferenças entre logística inbound e outbound!


Você sabe quais são as diferenças entre logística inbound e outbound? É muito importante que os gestores estudem os processos de logística para reduzir os custos relacionados ao transporte e armazenamento

Compreender e diferenciar tais processos, portanto, pode fornecer importantes insights, possibilitando que o gestor desenvolva estratégias mais eficientes para a cadeia de suprimentos. 

Quer entender o que diferencia a logística inbound e outbound? Acompanhe a seguir e confira mais sobre o assunto! 

Entenda o que é logística inbound e outbound

A logística inbound engloba todo o controle de fluxo de materiais até o momento da chegada à empresa. Nesse sentido, o processo envolve a administração do transporte, a escolha de fornecedores, a estocagem de produtos e a embalagem das mercadorias. 

Ou seja, são operações que têm como foco os procedimentos que ocorrem entre a compra dos produtos e sua entrega na fábrica. Por outro lado, a logística outbound lida com todas as atividades que se iniciam após o processo produtivo. 

Com isso, o objetivo da logística outbound é distribuir e movimentar as cargas, transferir os produtos para centros de distribuição, fazer o planejamento de rotas e a contratação de transportadoras. 

Assim, ela é responsável por colocar o negócio em contato direto com o cliente, de forma rápida e eficiente. Esse processo também pode traçar métodos que reduzem o tempo de entrega das mercadorias aos consumidores, estabelecendo um plano em caso de imprevistos. 

Confira as principais diferenças entre os modelos

A principal diferença entre logística inboud e outbound é que cada conceito lida com aspectos distintos na cadeia de produção. No inbound, por exemplo, o foco são os processos internos, enquanto que no outbound, o foco são as atividades externas e de distribuição para o mercado. 

Mesmo que cuidem de operações bem diferentes, ambos os formatos de logística são complementares e exercem um papel fundamental para o desenvolvimento de um negócio. 

É muito importante que o gerente de logística distingue corretamente os conceitos para aprender a executá-los da melhor maneira possível. Saber lidar com eles é o que vai garantir uma logística ainda mais simplificada. 

Descubra a importância dos conceitos para o gestor de logística

Para se tornar um bom gerente logístico, é essencial estar informado e preparado para lidar com os desafios que os dois modelos apresentam no cotidiano. Até porque a perfeita operação entre o inbound e outbound é que resulta em uma logística de sucesso. 

Quando uma empresa consegue melhorar os processos nessas duas fases, a equipe se desenvolve melhor, os produtos são entregues dentro do prazo e com total qualidade e a satisfação dos clientes é alcançada com mais facilidade e segurança. 

Ou seja, é uma maneira eficiente de reduzir custos, aumentar a produtividade e gerar mais oportunidades para a companhia. Entender o que é logística inbound e outbound e suas diferenças, portanto, é um passo fundamental para alcançar bons resultados e desenvolver uma gestão de excelência no negócio, seja qual for o seu segmento no mercado. 

Gostou do conteúdo? Aproveite a visita e entenda também o que é logística 4.0 e quais os benefícios desse modelo!

 

 

 

BLOG / NOTÍCIAS > Tag: logística 4.0

 

Entenda o que é a logística 4.0 e quais os benefícios desse modelo!


É possível traçar a evolução desse processo desde o princípio da atividade logística até o ponto que estamos hoje. Com surgimento do conceito de logística 4.0, marcamos mais uma fase na história desse processo que tem focado na automação, na busca por eficiência e na valorização da integração.

Esse novo modelo propõe avanços para a criação de uma área de transporte que atua com a mesma simplicidade tanto de forma local como no âmbito global. Para alcançar esses resultados as empresas dependem de investimentos em novos recursos tecnológicos e no desenvolvimento de processos analíticos.

Com base nesse novo cenário, você não pode ficar de fora do que ainda está por vir nesse setor. Veja neste artigo tudo o que você precisa saber. Aproveite!

 

Qual é a importância da logística 4.0?

As empresas que valorizam essa metodologia estão dedicando tempo e recursos para levar as suas atividades para uma nova era de inovação e crescimento. Um dos aspectos mais importantes é que essa tendência busca oferecer aplicações reais para as novas ferramentas que envolvem a internet das coisas, Big Data e computação em nuvem.

A ferramenta que une todas essas funcionalidades é indispensável para o momento atual. Com isso, as empresas contam com a tecnologias, tanto dispositivos quanto sistemas, que servem para:

  • integrar a operação de transportes;
  • facilitar a troca de informações relevantes;
  • identificar gargalos;
  • gerenciar processos estratégicos.

Quais são as vantagens desse conceito?

Sim, transformar a realidade da empresa é um grande desafio. Afinal, estamos falando de uma mudança cultural que afeta toda a rotina e a capacitação da equipe. Porém, não podemos deixar de lado o fato de que, para que esse modelo funcione de forma plena, é preciso conectar a cadeia de suprimentos de ponta à ponta.

Somente assim, os profissionais da área irão conquistar os benefícios dessa evolução.

Otimização da relação entre clientes e fornecedores

O sucesso da cadeia de suprimentos depende do comprometimento de todos os seus elos. A ideia é usar a tecnologia para criar uma conexão entre eles e eliminar as barreiras para o estabelecimento, um canal de comunicação aberto. A partir daí esse relacionamento será visto como uma parceria baseado em uma estratégia de colaboração e crescimento mútuo.

Redução do lead time

O lead time é um indicador logístico que aponta quanto tempo a empresa precisa para concluir o fluxo de remessa produtos. Ao experimentar novas tecnologias é possível simplificar a execução das etapas eliminando, assim, a burocracia que afeta o andamento da entrega.

Essa prática também possibilita amadurecer o processo de planejamento das viagens. Isso representa trajetos mais curtos, maior produtividade e um ganho de agilidade na distribuição de produto e insumos.

Melhoria da gestão de estoque

Por muito tempo, a prática mais comum era manter um elevado nível de estoque para evitar a falta de mercadorias. Hoje, os avanços da tecnologia permitem trabalhar com o planejamento de estoque com o intuito de entender a demanda e planejar o abastecimento. Essa é uma forma de evitar perdas e desperdício, o que gera uma economia significativa.

Por fim, nós sabemos que o setor logístico é conhecido por um alto nível de concorrência. Para sobreviver, a empresa deve se destacar pelo uso de tecnologias que simplificam os processos e ajudam a conquistar um alto nível de eficiência.

 

Se você gostou desse post e quer deixar a sua opinião, basta escrever um comentário espaço abaixo. Nós queremos ouvir você!

NOSSAS POSTAGENS